Dor no pescoço e costas: 4 maneiras simples para resolver

Compartilhe este conteúdo:

Dor no pescoço e costas: 4 maneiras simples para resolver 1

Se você está aqui, provavelmente é porque vem sofrendo com dor no pescoço e costas, assim como milhões de outros trabalhadores ao redor do mundo.

Desde ambientes de escritório sem ergonomia até maus hábitos de sono, muitos fatores podem contribuir com essas dores, inclusive o tempo que você passa mexendo no celular!

Abaixo, vamos ver algumas causas prováveis de sua dor no pescoço e costas e, logo depois, maneiras de resolver ou diminuir essa parte tão incômoda de seu cotidiano.

Dor no pescoço e costas: as causas

Tecnologia

Olhando ao redor nesse momento, a maioria de nós poderá ver tecnologia em quase todos os lados. Infelizmente, ela acaba sendo parte do problema que influencia na dor no pescoço e costas.

Vamos pegar nosso local de trabalho como exemplo.

Uma boa configuração de trabalho ergonômica é fundamental para alcançar a resistência postural. Apesar da variação postural através da movimentação ser mais incentivada nos últimos anos e ajuda a afastar os trabalhadores das telas por alguns minutos durante o dia, está longe de ser o suficiente para resolver o problema.

Acessórios ergonômicos precisam ser implementados nas estações de trabalho de todos os funcionários, por exemplo, assim como mudanças de vida que cada um pode fazer por conta própria para buscar uma resolução.

Já usa um apoio para pés? Ele é essencial para manter a postura corporal!

Smartphones

Os smartphones em ambientes pessoais e profissionais mudaram a maneira como as pessoas se comunicam. Infelizmente, a portabilidade da tecnologia muitas vezes não suporta um bom uso ergonômico, especialmente relacionado à dor na coluna vertebral que influencia o pescoço.

Embora as evidências sejam limitadas sobre como os smartphones podem nos afetar negativamente, estamos aprendendo mais a cada dia. Os distúrbios musculoesqueléticos relacionados ao uso de smartphones incluem fadiga muscular e sobrecarga dos músculos do pescoço e dos ombros, ambos causados ​​por movimentos repetidos de mãos, pulsos e braços.

Como resultado, podem aparecer dor, rigidez e tremores no pescoço, ombros e braços.

Dor no pescoço e costas: 4 maneiras simples para resolver 2

Além disso, dor e fadiga pioram com o uso prolongado do smartphone. Postura correta e intervalos de pelo menos 20 minutos são recomendados ao utilizá-los.

Estilo de vida sedentário e dieta pobre

Nem todos estamos movendo nossos corpos o suficiente e as estatísticas de sobrepeso / obesidade em nosso país são uma preocupação séria.

Os resultados indicam que carregar peso corporal extra aumenta o risco de dor lombar. Uma dieta nutritiva é uma consideração importante no tratamento da dor nas costas, especialmente quando a atividade de longo prazo é limitada pela dor persistente e pelas funções diárias de um indivíduo.

Sono

Descansar seu corpo é vital. Você deve passar de 6 a 8 horas por noite descansando e regenerando sua mente e corpo. Um travesseiro e um colchão de qualidade devem ser considerados para indivíduos com dores na coluna vertebral relacionadas com as costas.

Considere um travesseiro com contorno feito de látex ou espuma de memória. Quem dorme de costas devem usar um travesseiro mais baixo, preferencialmente. Já aqueles que dormem de lado devem usar um travesseiro de perfil médio a alto.

Dor no pescoço e costas: 4 maneiras simples para resolver 3

Resistência física

Será que você sofre de um distúrbio musculoesquelético?

Construir resistência postural específica para suas demandas de atividades diárias é uma prioridade. Em uma população que, em sua maior parte, está em fase de envelhecimento, a densidade óssea deve ser considerada. Os exercícios de levantamento de peso que você pode fazer e tolerar dentro de suas demandas de atividade podem fornecer benefícios funcionais e otimizar a saúde óssea.

Na população obesa, a dieta pode ser necessária, e um meio suave, como a hidroterapia, pode ser útil (sob a orientação e supervisão de um profissional de saúde qualificado).

Agora que vimos algumas das possíveis causas para dor no pescoço e costas, vamos ver algumas maneiras de amenizar a situação! Veja abaixo nossas dicas e tente implementá-las em seu dia a dia:

Dor no pescoço e costas: como corrigir

Caminhe

Estacionar longe de lojas e transportes públicos, ou dar um passeio na hora do almoço são maneiras rápidas e fáceis de aumentar a atividade do seu dia. A atividade incremental aumenta!

Mexa-se

Qualquer atividade que o coloque em movimento pode aumentar sua flexibilidade e força. Essas atividades podem incluir:
• Natação;
• Exercícios aquáticos, como caminhada na água, aula de ginástica aquática ou realização de exercícios de fisioterapia na piscina (hidroterapia);
• Andar;
• Ioga, pilates;
• Musculação, utilizando pesos ou bandas de resistência.

Faça coisas que você adora fazer! Se você adora nadar, não se matricule em aulas de ioga, vá para a piscina. Se você adora, é mais provável que continue fazendo.

Ajuste o seu ambiente

Um ambiente de trabalho de apoio que permite a variação postural e incentiva o movimento é muito importante.]

Inclusive no home office.

Deve-se considerar uma vida doméstica equilibrada e de apoio, onde as tarefas domésticas são compartilhadas e os exercícios são incentivados. Reduzir o tempo de tela, especialmente à noite, é outra maneira de se proteger e se prevenir da dor no pescoço e costas.

Dor no pescoço e costas: 4 maneiras simples para resolver 4

Durante o dia, utilize um suporte de monitor ou de notebook para trabalhar.

Estabeleça metas para impulsionar a motivação

Uma barreira para participar de novas atividades e exercícios é a falta motivação! Medo, falta de confiança e estar sobrecarregado com por onde começar podem resultar em baixa motivação.

Para se manter motivado, estabeleça metas realistas. Não comece planejando se exercitar por uma hora, 6 dias por semana. Comece aos poucos, aumente gradualmente conforme se sentir confortável e conforme orientado por seu profissional de saúde qualificado.

Além de metas realistas, certifique-se de fazer algo que você gosta. Nada mata a motivação mais rápido do que odiar a atividade. Siga essas diretrizes e logo você descobrirá que mais movimento e menos tempo de tela fazem parte de sua rotina diária.

Lembre-se de que mudar hábitos leva tempo. Seja paciente. Mantenha as coisas simples, mas seja consistente e faça tudo da maneira correta. Isso levará a uma diminuição de sua dor no pescoço e costas e, também, a melhores resultados de saúde de forma geral.

Ficou com alguma dúvida após ler nosso artigo? Compartilhe com a gente comentando abaixo para que possamos ajudar!


Compartilhe este conteúdo:

Adicionar seu comentário

Equipe Especializada

Suporte especializado em Ergonomia - Dúvidas? Fale conosco aqui

Faturamento para Empresas

Faturamento e boleto à prazo para CNPJ

eSocial - adequação

Mix de produtos ideal para adequar-se ao eSocial - Dúvidas sobre sua adequação? Fale conosco