A falta de ergonomia e como ela prejudica seu futuro

Compartilhe este conteúdo:

falta de ergonomia

Tempo estimado de leitura: 5-6 minutos

A falta de ergonomia não afeta apenas o escritório! Veja como adequar seu home-office também clicando aqui!

A ergonomia se concentra no ambiente de trabalho – considerando o design e a função das ferramentas, iluminação, controles, monitores e estações de trabalho para se adequar aos requisitos físicos do funcionário.

Infelizmente, embora vários estudos tenham demonstrado como a ergonomia é útil, muitos trabalhadores e empregadores ainda não entendem como a falta de ergonomia afeta negativamente a saúde.

O que pode acontecer quando há falta de ergonomia?

O design ergonômico adequado é um fator essencial para manter a aptidão física e otimizar as atividades relacionadas ao trabalho. O estudo da ergonomia fornece orientações essenciais sobre a prevenção de doenças e lesões, permitindo que os indivíduos evitem problemas como esforço repetitivo (LER) e desconforto. Algumas das lesões mais comuns em torno da ergonomia inadequada incluem dores nas mãos, pulsos, ombros, pescoço, costas, cabeça e olhos.
Talvez as áreas mais preocupantes para algumas pessoas sejam a visão e os problemas musculoesqueléticos.

O sistema músculo-esquelético do corpo é composto por estruturas que ajudam você a se mover – como ligamentos, tendões, articulações, ossos e músculos. Os MSDs relacionados ao trabalho são uma das principais causas no mundo de lesões e doenças que levam à perda de dias de trabalho.

Independentemente do setor em que você está, muitas ocupações diferentes expõem os trabalhadores a fatores de risco de MSD – desde trabalhar em posturas corporais inadequadas até executar tarefas semelhantes ou idênticas repetidamente. Alguns exemplos de problemas musculoesqueléticos relacionados à ergonomia incluem:

  • Síndrome do túnel do carpo – um problema que afeta os nervos do pulso após pressão repetitiva sobre o nervo por algum tempo.
  • Bursite – uma inflamação do pequeno saco de fluido que lubrifica as áreas em que tecidos, ossos, músculos, pele, tendões e ligamentos dividem atrito.
  • Lesão de tendão – dano às fibras fortes usadas para conectar osso e músculo – a maioria das lesões de tendão acontece perto das articulações – como ao redor do ombro, tornozelo, joelho ou cotovelo.
  • Tensões musculares – dor causada pelo alongamento excessivo dos músculos – geralmente ao redor das costas, pescoço e ombros.
  • Outros problemas de saúde relacionados à ergonomia
A falta de ergonomia e como ela prejudica seu futuro 1

Os problemas da falta de ergonomia na estação de trabalho não se restringem apenas a questões musculoesqueléticas. Na verdade, uma parte significativa dos problemas de saúde relacionados à falta de ergonomia decorrem da má postura – um problema que a maioria das pessoas esquece, mas que pode levar a:

  • Maiores níveis de estresse – estudos conduzidos pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, descobriram que pessoas com melhor postura tinham 25% menos cortisol (o hormônio do estresse) em seus sistemas.
  • Felicidade diminuída – a maneira como você se senta pode não parecer relevante para o seu humor, mas a ciência mostrou que ficar desleixado, junto com os resultados de má circulação sanguínea, pode ter um impacto significativo em sua felicidade.
  • Digestão obstruída – ficar sentado em uma posição comprimida por longos períodos de tempo dobra seu intestino – levando a uma digestão pobre e maior risco de problemas estomacais.

    Muitos ferimentos relacionados à ergonomia podem acontecer gradualmente – por um longo período de tempo, e muitas vezes de uma maneira que significa que você não os percebe até que o desconforto cresça a um nível significativo.

    Vários distúrbios surgem do impacto de várias pequenas tensões e ferimentos no corpo – conhecidos como DTCs, ou distúrbios de trauma cumulativos. Esses problemas específicos são mais comuns no ambiente de trabalho eletrônico de hoje – em que a maioria das pessoas passa várias horas por dia curvada sobre um teclado ou trabalhando em um computador.

    A má postura e falta de ergonomia são as principais causas de DTC, mas também é importante notar que existem vários fatores que também podem acelerar seu desenvolvimento, incluindo fatores de risco pessoais, tempo de recuperação inadequado, força excessiva e movimento repetitivo.

Aqueles que sofrem de DTCs podem começar a sentir vários sintomas na área afetada do corpo, incluindo dor, dormência, inchaço e formigamento.

Como você pode se proteger?

É fácil ver que a falta de ergonomia pode ter um grande impacto em seu estilo de vida e bem-estar. Felizmente, configurar sua estação de trabalho não precisa ser uma tarefa difícil.

Por exemplo, ajuste a altura da cadeira de modo que seus pés repousem totalmente no chão ou em um apoio para os pés e suas coxas fiquem paralelas ao chão. Ajuste o apoio de antebraço de forma que descanse suavemente sobre ele e o ombro fique relaxado.

Se sua mesa tiver uma borda rígida, utilize um quebra-quinas ergonômico, que reduz a compressão dos braços e cotovelos, auxiliando na circulação sanguínea correta dos membros e prevenindo possíveis lesões que podem se agravar com o tempo.

Além disso, faça uso de um suporte para monitor, que faz a correção da linha de visão do usuário à tela, aliviando o esforço exercido sobre a região cervical, ajudando a evitar fadiga e lesões nas regiões da lombar, nuca e pescoço.

O mesmo vale para quem trabalha com um notebook. O suporte para notebook também ajuda a evitar calor excessivo ou até superaquecimento do seu aparelho.

A ideia é montar uma estação ajustável, permitindo que os trabalhadores mudem a postura de acordo com as suas necessidades. Escritórios ergonômicos devem incluir telas ajustáveis, porta-cópias flexíveis, iluminação adequada, teclados ajustáveis ​​e removíveis e, claro, os móveis ergonômicos certos.

Se ainda precisa se convencer de que a falta de ergonomia prejudica sua vida, conheça outros motivos importantes clicando aqui!


Compartilhe este conteúdo:

Adicionar seu comentário

Equipe Especializada

Suporte especializado em Ergonomia - Dúvidas? Fale conosco aqui

Faturamento para Empresas

Faturamento e boleto à prazo para CNPJ

eSocial - adequação

Mix de produtos ideal para adequar-se ao eSocial - Dúvidas sobre sua adequação? Fale conosco